Você sabe o que é cultura de crescimento? A sua empresa a pratica? Confira aqui!

 em Gestão e Produtividade

Cultura de crescimento: você sabe o que significa? A sua empresa a pratica? Continue lendo para saber mais:

Crescer. Esse é, com certeza, um dos maiores objetivos de um empreendedor com a sua empresa. São elaboradas, frequentemente, pesquisas e muito planejamento para que tudo o que foi pensado, mapeado e estruturado se torne um grande sucesso em longo prazo.

Entretanto, as estratégias que se pode adotar para alcançar esse objetivo são muitas e, algumas delas, podem dar resultados que as vezes não valem a pena no final das contas. Por isso, estar certo de como criar uma cultura de crescimento na sua empresa se torna uma missão muito complexa, mas não impossível. Quer saber mais sobre o assunto? Continue lendo para saber mais:

CULTURA DE CRESCIMENTO: ENTENDA O QUE É E QUAL A SUA IMPORTÂNCIA!

Mas, o que é cultura organizacional?

Você deve estar se perguntando, mas, o que é cultura organizacional e o que ela tem a ver com a cultura de crescimento?

Geralmente, a cultura organizacional está relacionada ao crescimento da empresa e, por isso, se o seu negócio não criar uma cultura forte e capaz de manter os colaboradores motivados, ela provavelmente vai encontrar sérias crises pela frente.

O conceito em si é tudo o que envolve a rotina de uma empresa, funcionando como diretriz para guiar o comportamento e mentalidade de seus membros. Ou seja: suas práticas, hábitos, comportamentos, símbolos, valores, princípios, crenças, cerimônias, entre outros. Por isso, pensando que a cultura organizacional é algo bem abrangente, a primeira coisa a fazer é estabelecer como essa sociedade será. Isso inclui qual língua ela falará, quais práticas são bem vistas, quais hábitos pertencem à esse grupo particular, entre outras coisas. 

Essa padronização vai muito da visão dos primeiros integrantes da organização. E, apesar de a cultura de uma empresa ser moldada constantemente por cada membro que entra para o time, no final do dia, quem ditará para onde a organização está indo são as pessoas com maior influência: os empreendedores.

Imagem de uma flecha cheia de pessoas para remeter a cultura de crescimento

Crescimento = machucados e dores.

Todo processo de crescimento costuma demandar muita atenção, paciência e cuidado por parte do empreendedor, já que nessa fase, existem muitas escolhas que precisam ser feitas. Quando você está em uma expansão acelerada, significa que você atinge o mercado que você finalmente queria, e se distancia da essência que te fez nascer, ou seja, seus princípios. Outras partes deste processo vão te chamando para outras atividades, como por exemplo: antes, você estava em contato direto com as pessoas interna e externas, ou seja, seus colaboradores e clientes. Agora, seus compromissos são com dinheiro, recrutamento, equipamento, decisões estratégicas. Então, você deve estar se perguntando: mas o que eu tenho que fazer? Você precisa, portanto, resgatar a sua essência e cultura organizacional original e inicial.

Mesmo que você tenha dobrado ou triplicado o seu faturamento, não se envergonhe em ter que voltar à sua origem e resgatar a sua essência inicial, porque foi ela quem construiu o seu grande sonho. Apenas adapte os ritos para sua expansão que você verá que ficará muito mais fácil. Além disso, a sua presença constante no dia a dia dos seus colaboradores é fundamental. Eles precisam saber quem você é, como você é. Dê a eles uma recepção com todos os diretores e gerentes presentes em um ambiente descontraído para que eles tenham o oportunidade de ver para quem eles vão trabalhar.

Se você está em fase de expansão e sente que está em falta com a sua cultura organizacional, pause e pense em como você pode adaptá-la a sua cultura de crescimento. Por isso, busque um equilíbrio e tenha um acompanhamento constante da sua rota, com feedbacks periódicos aos seus colaboradores, já que eles são peças fundamentais em todo processo e precisam saber se estão acertando ou errando, e como podem melhorar.

Cultura de crescimento constante

Acredite: se a sua empresa obteve um pico de crescimento, é preciso ficar atento. É bem possível que esse índice de crescimento não seja sustentável e que você precise fazer alguma coisa para compreendê-lo. Não se trata de preferir um tipo de crescimento a outro, mas sim de compreender os reais motivos de um faturamento mais alto e descobrir o que fazer para que ele se repita mais vezes.


E aí, está preparado para implementar a cultura de crescimento na sua empresa? Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Comente e participe para que possamos melhorar, cada vez mais, os conteúdos do Abertura Simples.

Postagens Recentes

Deixe uma resposta

Imagem que está escrito como melhorar a produtividade do time comercial com o Growth Hacking