Skip to content

Receita divulga regras de declaração do IR 2020

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Está chegando a hora dos contribuintes começarem a se preocupar com as regras de declaração do IR 2020. A Receita Federal já disponibilizou as normas deste ano.

As regras de declaração do IR 2020 já estão disponibilizadas no site da Receita Federal. As informações referentes ao tributo foram divulgada na quarta-feira (20).

Ademais, é válido citar que as informações são referentes ao ano-calendário de 2019. Além disso, deve-se reforçar que o prazo para declaração compreende os dias 2 de março a 30 de abril.

Em resumo, os brasileiros e brasileiras que precisam fazer a declaração são aqueles que tiveram rendimentos tributáveis de R$ 28.559,70 em 2019. Ou então, aqueles que obtiveram rendimentos isentos ou tributados na fonte acima de R$ 40 mil.

Por consequência, aposentados e pensionistas do INSS já podem consultar o informe de rendimentos do ano-calendário 2019. A disponibilidade está no site “Meu INSS”, ou então, nos aplicativos para celular.

Como conferir as regras de declaração do IR 2020

Você poder conferir no site, no canto esquerdo da tela, rolando o cursos até o link “Extrato para Imposto de Renda (IR)”. Posteriormente, você precisará informar login e senha cadastrados no sistema para poder ter acesso ao documento.

Se você ainda não tiver feito essas chaves de acesso, precisará seguir os passos informados pelo site.

Além do mais, empresas e instituições corporaativas terão até o dia 28 de fevereiro para entregar informes de rendimento a colaboradores e clientes. Os funcionários poderão consultar o departamento pessoal da empresa para verificar se o documento será entregue impresso ou eletrônico.

É necessário obter os informes de todas as empresas onde você trabalhou ao longo do último ano. Se for o caso, entre em contato com eventuais ex-empregadores.

No informe de rendimentos estarão, por exemplo, os valores obtidos pelo contribuinte no ano-base, quanto já foi pago em imposto retido na fonte, além de constar inclusive a contribuição para o INSS. Além do mais, lá estarão aportes em planos de previdência da empresa, plano de saúde coletivo, além de outras informações.

Os documentos e outros detalhes sobre como fazer a declaração você pode conferir aqui. Temos material, também, esclarecendo dúvidas recorrentes, além de informações sobre previdência privada e empréstimos.

Se você precisa de um contador na sua região, clique no link abaixo que nós, do Abertura Simples, poderemos te ajudar a fazer a sua declaração do IR 2020.


Escrito por

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Manual para Abrir Empresa

Faça como mais de 40 mil empreendedores! Baixe agora mesmo o Manual Completo para Começar seu Próprio Negócio.

No comment yet, add your voice below!


Faça um Comentário