Skip to content

Estes são os setes erros no e-commerce que você não deve cometer

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Iniciar a jornada online não é uma tarefa simples e exige informação. Por isso, entender quais são os principais erros no e-commerce é um caminho interessante para que o empreendedor esteja preparado

A pandemia fez com que houvesse um aumento nas vendas online. Segundo a Mastercard SpendingPulse, e-commerce brasileiro cresceu 75% em maio. Diante do aumento das vendas online, muitas empresas desejam entrar neste mercado.

O que elas ainda não sabem é que o caminho exige aprendizado e, neste caso, nada melhor do que aprender com os erros de quem já está empreendendo neste setor há algum tempo. Fernando Rizzatti, sócio-diretor na Neotix Transformação Digital, listou os setes erros no e-commerce que você não deve cometer. Confira!

1. Falha no cadastro

“Aplicativos para compra em supermercados com modalidade de entrega estão salvando a vida de muita gente, principalmente de quem é considerado um grupo de risco e precisa evitar sair ao máximo. Mas o que fazer quando você passa horas escolhendo todos os produtos, fazendo a compra do mês, e quando você vai efetivar a compra, a ferramenta apresenta falhas para cadastrar o usuário? Imperdoável”, explica o especialista.

2. Adeus ao produto dos sonhos

Novas lojas online não param de surgir. Eis que você encontra o produto que estava procurando a um preço interessante em uma delas, por meio de um anúncio, e na hora de fechar o pedido, seu cadastro não é aceito ou o site nem mesmo tem essa funcionalidade, imprescindível para a venda do produto. É mais uma venda que o lojista perdeu por falta de planejamento…”, comenta.

3. Erro de logística

“Depois de descobrir um produto por anúncio e informar todos os seus dados no cadastro, inclusive seu endereço, o site pede que você informe o CEP na finalização da compra. Somente aí, diz que não atendem sua região. Há maneiras de programar o site e avisar o consumidor de que sua localização não faz parte da área de entrega, sem que ele tenha que passar por todo esse desgaste”, ensina o especialista.

4. Falta de organização na entrega:

“O que dizer de um aplicativo de entrega de compras de restaurantes que não orienta ou não exige que os restaurantes credenciados possuam embalagens específicas para o transporte dos alimentos e ao receber a sua refeição tão desejada a encontra parecendo que alguém a comeu antes de você?”.

5. Falta de transparência para o cliente

“É uma prática comum de muitas lojas famosas revender os produtos de um lojista parceiro. Porém, isso precisa ficar claro para o consumidor, para que ele possa decidir de quem prefere comprar”, comenta.

6. Venda de produto em falta no estoque

“Esse erro deve ser o mais frustrante para os consumidores. Imagine comprar um produto pela internet e nada dele chegar a sua casa. Então, quando você decide abrir um chamado no SAC da loja, recebe como resposta que o que você comprou está em falta no estoque? O conflito é enorme”

7. Falta de clareza nas informações

“O que dizer de uma loja virtual de um famoso supermercado que só te informa o prazo de 20 dias para entrega das compras no fechamento do carrinho? Todo mundo sabe que a pandemia vem atrasando diversas entregas, mas é preciso deixar isso claro desde o início”, finaliza.

Curtiu saber quais são os erros no e-commerce que você não deve cometer? Nossa recomendação é que você continue estudando sobre o assunto. Leia nosso artigo e saiba quais são os segredos para divulgar o e-commerce e conquistar os primeiros clientes.

Fonte: assessoria de imprensa

Escrito por

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Manual para Abrir Empresa

Faça como mais de 40 mil empreendedores! Baixe agora mesmo o Manual Completo para Começar seu Próprio Negócio.

No comment yet, add your voice below!


Faça um Comentário