fbpx

7 passos simples ensinam que qualquer um pode ser mais criativo

 em Gestão e Produtividade

Saiba como ser mais criativo com esses passos simples que mostram que qualquer um é capaz

A criatividade move as pessoas, nos leva a lugares melhores. Se não fosse por ela, não haveria questionamento, reflexão, e muito menos evolução. Porém, a maioria das pessoas vê a criatividade como um dom que se nasce ou nunca na vida terá, e isso é uma grande mentira. Segundo estudos feitos em Harvard, 85% dessa habilidade é aprendida, e não uma dádiva. Logo, podemos compreender que também é possível aperfeiçoá-la.
Apesar disso, não ensinam como ser mais criativo. Pelo contrário, nossas escolas, nossos professores, e nossa rotina não incentivam o pensamento fora da caixa, a proatividade, a solução diferente para um problema comum… Na maior parte do tempo somos limitados ao comum, que pode levar a frustração e ao fracasso. Nos ensinam apenas aquilo que sabem, existe apenas uma resposta certa, devemos ser obedientes, não cometer erros.
E o mais curioso de tudo isso é que a criatividade é uma das habilidades mais importantes para a nova geração de empreendedores. Hoje em dia, diplomas, cursos e certificados não são considerados mais um diferencial, mas ter uma ideia inovadora ou uma saída diferenciada para determinadas situações, sim. E é exatamente isso que Alex Atala disse em uma apresentação: “ser criativo é fazer o que já conhecemos de uma maneira inesperada”.
Por isso, apresentamos a seguir alguns exercícios que podem ajudá-lo a desenvolver sua criatividade diariamente, habilidade cada vez mais valorizada no ambiente profissional. Saiba como ser mais criativo com esses passos simples que mostram que qualquer um é capaz. Continue lendo:

Como ser mais criativo com 7 passos

1. Anote suas ideias

Sempre que surgir uma ideia nova em sua cabeça, anote. Não importa se você pensar que ela pode ser estupida, escreva ela em um caderninho de bolso ou no próprio celular. Se você confiar apenas em sua memória, é muito provável que acabe se esquecendo e perdendo ideias brilhantes. Escreva o máximo de pensamentos que tiver, e depois, analise os melhores e crie novos conceitos. Isso poderá ser muito útil para unir à outras ideias futuras.
Outro tipo de escrita que pode ajudar a estimular sua criatividade é por meio de histórias, crônicas ou poemas. Esse exercício faz com que você tenha de criar personagens, cenários, falas e situações. Todo o esforço de ampliar o ambiente lúdico imaginário fará com que seu cérebro libere ada criatividade.
Se você for do tipo que assimila melhor visualmente, anote as ideias em um quadro, ou crie fluxos mentais para conseguir organizar suas ideias. Isso ajudará tanto a sua criatividade quanto a sua produtividade.
Vetor que mostra que anotar as ideias é importante, como ser mais criativo

2. Faça coisas diferentes

Ficamos tão acostumados a viver nossa rotina sempre da mesma forma, andando pelos mesmos caminhos, passando pelas mesmas casas, observando as mesmas pessoas. As coisas se tornam até banais quando nada de novo acontece. Porém, quando você quebra essa rotina, sua criatividade é estimulada.
Se você vai todos os dias pela mesma rua para chegar ao trabalho, experimente tentar outro trajeto, e já perceberá outros elementos que você não está acostumado. Se você tiver a oportunidade, viaje para um lugar que você ainda não conhece durante as férias, e seu cérebro terá de se adaptar a nova cultura local. Ou então tente fazer um curso de culinária, artesanato, ou qualquer outra coisa que você não esteja habituado no seu dia a dia.
As pessoas mais criativas são aquelas dispostas a conhecer coisas novas, expandir seus horizontes e ser surpreendidas. Por isso, apenas escolha alguma coisa diferente, e faça. Qualquer oportunidade de sair da sua zona de conforto ajuda a ativar o seu pensamento criativo.

3. Relaxe

Para alguns, uma noite de sono de oito horas é luxo. Porém, não devemos nos esquecer de que as principais reclamações de bloqueios criativos se dão pelo cansaço. Boas noites de sono e descanso também servem como uma forma de como ser mais criativo, e ajudam a recuperar energias e obter novas ideias. Por isso, evite passar noites em claro, mesmo que seu trabalho esteja acumulado.
Um exercício interessante para estimular a criatividade e a memória é tentar lembrar seus sonhos depois de uma noite de sono. Você pode, inclusive, tentar captar alguma ideia ou solução criativa, pois seu cérebro continuará ativo mesmo enquanto seu corpo estiver relaxando.
Uma boa forma de clarear a mente e relaxar também é a meditação. Mas não fique limitado ao clichê de sentar no chão, colocar música ambiente e acender velas (a não ser que você consiga meditar melhor dessa forma). A meditação vai muito além disso, e ela pode ser feita da forma que você quiser, basta concentração e desligamento de todas as amarras que te seguram ao estresse do dia a dia. O vídeo abaixo pode te explicar melhor como meditar pode te ajudar de diversas formas:

4. Aprenda com as crianças

O pintor Pablo Picasso já afirmava há muito tempo que todas as crianças nascem artistas. Porém, “o problema é manter-se artista depois de crescido”. E você sabe por que? Ao longo da vida, vamos adquirindo experiências e experiências, que muitas vezes podem ser muito úteis para o processo criativo, porém a experiência pode nos limitar. Já as crianças ainda estão explorando o mundo, e por isso que geralmente elas têm ideias fantásticas.
Elas não adquiriram os filtros sociais que os adultos ficam presos, e por isso, são livres para brincar, falar, criar e inventar qualquer coisa que quiserem. Observar esse processo, de como elas tem a ideia e colocam rapidamente em prática, é quase uma aula para desenvolver a criatividade.
Use brinquedos e outros recursos para estimular sua imaginação e criar novas situações com as coisas que acontecem à sua volta. Se não souber por onde começar, experimente fazer um desenho diferente ou brincar com blocos de Lego. Assim, você conseguirá se liberar das amarras da idade adulta e expandir sua mente.

5. Mude seu ambiente

Pode parecer um tanto óbvio, mas não é fácil. Porém, quando você muda o seu ambiente de trabalho, você se expõe a novos ambientes, novas ideias, e novas formas de criar. Se você trabalhar home office, pode tentar trocar de cômodo, ou ir para algum outro lugar que você consiga se concentrar melhor. Já se você trabalha em um escritório, tente mudar seu computador de lugar, ou levante um pouco da sua cadeira.
Muitas pessoas afirmam que desenvolvem suas melhores ideias durante uma caminhada. Ao caminhar, você vai ter mais tempo para ter novos pensamentos, desligar das responsabilidades e ter reflexões mais criativas. Além disso, você também conseguirá observar melhor o ambiente e natureza à sua volta – fatores essenciais para o desenvolvimento da criatividade.
Vetor que mostra a mudança de ambiente, como ser mais criativo

6. Pergunte, questione

Na maior parte do tempo, nos preocupamos tanto com a resposta, que na maioria das vezes nos esquecemos da pergunta. Mas com a pergunta certa, a solução será ainda mais efetiva. Até mesmo o cientista Albert Einstein disse uma vez que, se ele tivesse uma para resolver um problema e sua vida dependesse dessa solução, ele gastaria os primeiros 55 minutos determinando a pergunta certa para se fazer. “Se soubesse a pergunta, eu poderia resolver o problema em menos de 5 minutos” afirmou.
Mas como chegar à pergunta certa? Simples, desdobre a original, escreva variações dela para que você alcance o melhor resultado. Analise o problema de todos os ângulos possíveis, mudando a perspectiva para poder questionar o que está errado, o que pode mudar, e em que você pode investir.

7. Exercite seu cérebro

Assim como ir à academia fortalece o corpo, alguns exercícios voltados para o cérebro podem ativar a sua criatividade. Forçar a mente a pensar de forma original também exige um esforço diário. Palavras cruzadas, por exemplo, ajudam a estimular o pensamento criativo, e para que você consiga dar uma engrenada nesse exercício, coloque um limite de cinco minutos no relógio para preencher até onde conseguir.
Outro exercício interessante é o teste dos 30 círculos. Comece desenhando 30 círculos em um papel, e depois tente fazer o máximo que conseguir dessas formas em um minuto. Repita o processo quantas vezes quiser, sempre tentando quebrar seu próprio recorde. Dessa forma, você força seu cérebro a pensar mais rápido e ativa seu pensamento criativo.


Se alguma vez você já se questionou como ser mais criativo, siga esses exercícios e faça seu cérebro trabalhar a seu favor.  Gostou desses passos de como ser mais criativo? Conhece outras dicas que poderiam ajudar mais pessoas? Comente e participe para que possamos melhorar, cada vez mais, os conteúdos do Abertura Simples.
Fonte: Vamaislonge | Revista Galileu | Monkey Business

Postagens Recentes

Deixe uma resposta

Foto de um contador, representando o home office de contabilidadeFoto de uma mulher escolhendo em uma loja de vestidos com a vendedora ao seu lado, representando vender melhor