fbpx

Quero abrir empresa, mas como estar pronto financeiramente para empreender?

 em Planejamento e Finanças

Saiba se você está e, se não, como estar pronto financeiramente para dar início a sua jornada empreendedora

O ano já está no segundo semestre, e a medida que o tempo vai passando, algumas pessoas vão repensando em suas atividades. Trabalhar em uma empresa que não dá liberdade para realizar seus sonhos, de ser independente financeiramente, faz com que muitos escolham sair dos seus empregos e empreender.

Ainda assim, se você está pensando em abrir um negócio próprio ainda este ano, saiba que a maioria das empresas leva meses e até mesmo anos para se tornarem lucrativas. Por isso, os empreendedores iniciantes precisam estar prontos financeiramente para não tomarem prejuízos.

O planejamento financeiro é um dos passos cruciais para que uma empresa dê certo. Mais do que conseguir o capital de financiamento inicial, é preciso também economizar o suficiente para cobrir as dívidas que possam surgir. Por isso, explicaremos a seguir como você pode se preparar para estar pronto financeiramente e abrir seu próprio negócio! Continue lendo:

Como estar pronto financeiramente para empreender:

Calcule os custos iniciais

Antes de deixar o emprego para abrir seu negócio, é importante calcular quais serão os custos iniciais desse novo negócio. Os valores iniciais podem variar drasticamente dependendo de alguns fatores, como por exemplo a localização ou o tipo de negócio.

Por exemplo, no caso de restaurantes e lojas de varejo exigem um investimento inicial maior do que empresas que operam online. Além do aluguel, os empresários com locais físicos precisam estar preparados para comprar móveis, computadores e decoração. Sem falar nos seguro contra incêndios e desastres naturais regionais.

Determinar os custos inciais é uma parte fundamental da avaliação de sua capacidade financeira para abrir um negócio próprio.

Determine as despesas pessoais

Além de todos os custos de abertura e funcionamento da empresa, os empreendedors inciantes também devem estar preparados para se manter enquanto a empresa ainda não se tornar rentável.

O fato é que as suas despesas pessoais não vão deixar de existir só porque você abriu sua empresa. Sem falar nos custos adicionais, como planos de saúde, que antes na empresa você tinha isso garantido mas agora terá de estar preparado para cuidar por conta própria.

A regra é clara: economize o dinheiro suficiente para conseguir manter seis meses de operação antes de decidir sair do seu emprego fixo.

Melhore suas opções de crédito

Para dar início a sua empresa você precisará de financiamento para tirá-la do papel. Mas cuidado, pois seu histórico de crédito pessoal pode dificultar para obter um empréstimo corporativo. Uma boa ideia é que você peça uma revisão do nível de crédito atual para melhorar sua pontuação.

Se não tiver certeza se sua pontuação de crédito irá impedir a obtenção de empréstimos, talvez seja melhor esperar para deixar o emprego fixo. Isso porque os bancos costumam conceder empréstimos mais facilmente para aqueles com um contracheque regular.

Além disso, os empresários aspirantes podem considerar outras fontes de empréstimo alternativas, como investidores-anjo, empresas de capital de risco, empréstimos governamentais e até mesmo financiamento coletivo. Confira a matéria que preparamos com algumas dicas de como obter dinheiro para abrir sua empresa.

Entenda seus impostos

Se você sempre trabalhou como funcionário convencional, então provavelmente não está preparado para a tributação inicial que vem com o seu negócio próprio.

Os proprietários de pequenas empresas precisam pagar impostos de trabalho autônomo justamente com os impostos de renda federais e estaduais. Por isso, é importante que os empresários considerem suas obrigações fiscais e economizem de forma adequada.

Além disso, é necessário pesquisar os possíveis abatimentos fiscais e monitorar as despesas. Você não quer perder deduções válidas quando seu negócio ainda está tentando deslanchar, não é mesmo?

Perspectivas bem avaliadas

Claro que para fazer seu negócio dar certo você precisa ter aspiração de ganhar dinheiro com ele. Porém, com o entusiasmo de dar início à empresa, muitos empreendedores não avaliam o potencial de lucro com precisão. Do mesmo jeito que os custos iniciais podem variar, a renda média mensal que o proprietário pode esperar de uma empresa também é variável.

Avalie quanto dinheiro você espera ganhar por meio de uma pesquisa de mercado. Assim, você entenderá como está o seu setor e também a base de clientes. Afina, você não quer investir mais na empresa do que a expectativa de receita para os próximos meses e anos.

Por outro lado, se você não reunir o capital apropriado, sua oferta pode ser insuficiente para atender à demanda. A última coisa que você quer é que seus concorrentes te passem ou que seus clientes percam o interesse, não é? Por isso, muitos especialistas recomendam que os empreendedores projetem as despesas operacionais com base no melhor cenário de crescimento possível.

Não é necessário ser rico para abrir sua empresa, mas sim ter um bom planejamento financeiro. Você precisa entender quando está realmente pronto financeiramente para empreender!

Esteja preparado para aceitar as realidades financeiras que acompanham sua pequena empresa. Pesquise os custos, lucros, e economize em sua poupança para sair do emprego e dar a chance ao empreendedorismo.


E aí, você se sente pronto financeiramente para empreender? Se tiver alguma dúvida sobre isso, confira também a matéria que preparamos para saber qual o momento certo para empreender. Comente e participe para que possamos melhorar, cada vez mais, os conteúdos do Abertura Simples.

Fonte: QuickBooks

Postagens Recentes

Deixe uma resposta

foto de um homem de negócios frustrado, representando onde não investir seu dinheiroA imagem com a palavra salário remete o atraso que algumas empresas cometem no pagamento do salário dos colaboradores