Skip to content

Projeto WE visa promover e investir em startups lideradas por mulheres

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Visando fomentar o empreendedorismo no Brasil, o Sebrae, em parceria com a Microsoft, lançou o projeto WE que visa investir em startups lideradas por mulheres

O empreendedorismo feminino no Brasil vem crescendo. Contudo, ainda há muito o que avançar. De todas as startups brasileiras somente 3% são lideradas por mulheres. Além disso, as que têm equipes formadas em sua maioria por mulheres são somente 7%. Diante dessa situação, o Sebrae, em parceria com a Microsoft, lançou o projeto WE, que promoverá e oferecerá recursos para startups lideradas por mulheres.

“Nossa missão é promover uma mudança cultural e o desenvolvimento social e econômico do Brasil, ao mostrar que as mulheres também podem trabalhar com tecnologia e empreender negócios escaláveis globalmente”, explicam os organizadores.

O projeto foi desenvolvido com uma estrutura completa para acompanhar startups em todas as fases de maturidade. Diante disso, eles vão oferecer mentorias e capacitações com profissionais renomados.

 “Contamos com um time multidisciplinar com especialistas em conteúdo de negócios, marketing, administração, finanças e gestão, os quais são oferecidos em parceria com o Sebrae Nacional e algumas demais empresas especializadas, e conteúdos técnicos e de programação que são oferecidos em parceria com a Microsoft”.

Além de mentorias e capacitação, as startups selecionadas receberão investimentos.  Os empreendimentos em fases iniciais receberão entre R$ 50 mil e R$ 500 mil, os quais serão realizados diretamente pelo TheWe.Studio. Já as startups mais desenvolvidas receberão investimentos entre R$ 500 mil e R$ 5 milhões.

O programa terá diversas fases. O Sebrae explica que “na fase de curiosidade e ideação (com foco na educação empreendedora), as ações contam com o apoio de The We Studio”.

A organização ainda enfatiza que durante a ‘fase de pré-operação, ou mesmo nas fases de operação e tração (com foco na preparação de crescimento e escala das startups digitais) até o momento em que se transformam em scale-ups, as startups receberão pacotes de benefícios diferenciados para seu estágio de maturidade, oferecidos pelo Sebrae, Microsoft Participações, TheWe.Studio e demais parceiros da Iniciativa”.

Requisitos para participar do projeto WE

Para ser selecionado, o empreendimento deve ter uma fundadora ou sócio mulher e residente no Brasil. Caso seja sócio, a mulher deve ter 20% da participação acionária. A empresa deve ter como modelo de negócio uma base tecnológica.

Os organizadores ainda explicam que a startup deve ter espírito empreendedor, disponibilidade para participar do programa e vontade de gerar valores para a sociedade.

Para participar do programa, basta preencher o formulário com todos os dados da startup. O tempo de preenchimento é de 15 minutos e deve ser feito com calma, pois qualquer erro pode prejudicar a empresa na seleção.

Desenvolva um plano de negócio para sair na frente na seleção

Antes de realizar a inscrição, recomendamos que as startups desenvolvam um plano de negócio. Por meio dele, a empreendedora terá mais base para responder todas as perguntas do formulário e, com isso, conseguirá uma vantagem competitiva. Abaixo destacamos algumas dicas para desenvolver o plano. Confira!

Pesquise

Todo planejamento requer pesquisa, identificação de prioridades, criatividade, conhecimento sobre as tendências de mercado e algumas noções básicas de finanças e economia. Além disso, é importante entender o atual contexto socioeconômico do país e do mundo, a fim de identificar as principais questões que podem impactar o negócio que está sendo delineado.

Responda algumas perguntas

Ao iniciar a elaboração de um plano de negócios, é importante parar um pouco e se perguntar: qual é o modelo do meu negócio e quais pessoas serão envolvidas no projeto?

A partir deste primeiro questionamento, já é possível traçar as primeiras diretrizes do plano de negócio, ao identificar de forma clara o tipo de negócio que será proposto e a equipe responsável pela sua elaboração e desenvolvimento. Em um segundo momento, vale partir para uma segunda rodada de questionamentos:

  • Quais são os objetivos que eu pretendo atingir com o meu negócio?
  • Qual é a minha motivação para fazer isso acontecer?
  • Como posso desenvolver o meu negócio de forma a alcançar meus objetivos de forma efetiva?
  • Quais os recursos financeiros, humanos, estruturais são necessários para que isso possa acontecer?

Crie uma estrutura

Uma vez respondidas estas perguntas, preste atenção nos pontos fundamentais do plano de negócios. Essencialmente, mantenha em sua estrutura: descrição do tipo de produto ou serviço que pretende ser desenvolvido ou comercializado, destacando seu diferencial de mercado.

É necessário também fazer a identificação do público-alvo, a fim de estabelecer de forma clara quem será seu cliente, bem como definição de estratégias de marketing e relacionamento com esse cliente.

Além disso, descrição das atividades desenvolvidas pela empresa, diferenciando de forma clara e precisa a atividade principal das demais atividades secundárias.

Elaboração de um orçamento com a descrição dos custos do negócio e dos respectivos recursos financeiros necessários para realização do projeto, destacando os recursos já disponíveis, como o capital de giro, bem como aqueles que ainda necessitam de captação etc.

Contrate um contador

Além de todos esses pontos, é indispensável contar com uma boa equipe de contabilidade para cuidar da saúde econômica e registrar os passos financeiros dados pela empresa ao longo de sua trajetória.

Com a contabilidade é possível mapear a rota de erros e acertos de um negócio e fazer alterações pontuais e tempestivas, visando alcançar os objetivos desejados da melhor forma possível.

Curtiu saber do projeto voltado para startups lideradas por mulheres? Acreditamos que você também possa se interessar em ler nosso artigo com 15 livros sobre empreendedorismo feminino. Confira!

Escrito por

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Manual para Abrir Empresa

Faça como mais de 40 mil empreendedores! Baixe agora mesmo o Manual Completo para Começar seu Próprio Negócio.

No comment yet, add your voice below!


Faça um Comentário