Skip to content

Procurando um plano de negócios para dentista? Confira!

O que você verá neste artigo:

Qualquer empreendedor precisa de um plano de negócio. Confira como fazer o seu!

Um plano de negócios para dentista é uma maneira eficiente de entender exatamente qual é a posição, atual, do consultório e o que é necessário para crescer.  Por isso, é muito importante que o empreendedor tenha o seu próprio plano. Ficou curioso sobre como desenvolver o documento? Confira!

Afinal, o que é um plano de negócios para dentista?

Plano de negócios é o documento que descreve, de forma detalhada, todas as ações que envolvem o processo de criação, construção, desenvolvimento e resultado de uma empresa que se encontra em formação, ou que pretende se transformar e expandir suas atividades.

Esse tipo de planejamento é indispensável para que um negócio ganhe vida e um de seus pontos mais importantes é a definição de seus objetivos – que deve ser feita de forma clara e objetiva. A partir dos objetivos, que refletem as ambições dos empreendedores e onde eles pretendem chegar com o seu negócio, é possível traçar um plano de ação contendo um passo a passo do que precisa ser feito.

Saiba como desenvolver um plano de negócios para dentista

O passo a passo deve levar em consideração os esforços que serão empregados por parte dos empreendedores, as estratégias para atração de investimentos, bem como o que deve ser feito para minimizar eventuais riscos que podem gerar incertezas nos investidores, consumidores e no próprio mercado.

Entendendo a estrutura básica de um plano de negócios, é possível ter uma ideia do quão importante é o seu papel para que um negócio, independentemente do seu tamanho, seja levado à frente e obtenha os resultados desejados.

Não é possível criar e desenvolver um negócio completamente à deriva, adaptando a realidade negocial em conformidade com as mudanças culturais, econômicas e de mercado, sem haver um mínimo de antecipação sobre as ações e resultados futuros. Uma das principais funções do plano de negócios é auxiliar os empreendedores e administradores durante o processo de tomada de decisões. Dito isso, vamos ao que interessa!

Passo 1: Pesquise

Todo planejamento requer pesquisa, identificação de prioridades, criatividade, conhecimento sobre as tendências de mercado e algumas noções básicas de finanças e economia. Além disso, é importante entender o atual contexto socioeconômico do país e do mundo, a fim de identificar as principais questões que podem impactar o negócio que está sendo delineado.

Passo 2: Responda algumas perguntas

Ao iniciar a elaboração de um plano de negócios, é importante parar um pouco e se perguntar: qual é o modelo do meu negócio e quais pessoas serão envolvidas no projeto?

A partir deste primeiro questionamento, já é possível traçar as primeiras diretrizes do plano de negócio, ao identificar de forma clara o tipo de negócio que será proposto e a equipe responsável pela sua elaboração e desenvolvimento. Em um segundo momento, vale partir para uma segunda rodada de questionamentos:

  • Quais são os objetivos que eu pretendo atingir com o meu negócio?
  • Qual é a minha motivação para fazer isso acontecer?
  • Como posso desenvolver o meu negócio de forma a alcançar meus objetivos de forma efetiva?
  • Quais os recursos financeiros, humanos, estruturais são necessários para que isso possa acontecer?

Passo 3: Crie uma estrutura

Uma vez respondidas estas perguntas, preste atenção nos pontos fundamentais do plano de negócios. Essencialmente, mantenha em sua estrutura: descrição do tipo de produto ou serviço que pretende ser desenvolvido ou comercializado, destacando seu diferencial de mercado.

É necessário também fazer a identificação do público-alvo, a fim de estabelecer de forma clara quem será seu cliente, bem como definição de estratégias de marketing e relacionamento com esse cliente.

Além disso, descrição das atividades desenvolvidas pela empresa, diferenciando de forma clara e precisa a atividade principal das demais atividades secundárias.

Elaboração de um orçamento com a descrição dos custos do negócio e dos respectivos recursos financeiros necessários para realização do projeto, destacando os recursos já disponíveis como o capital de giro, bem como aqueles que ainda necessitam de captação etc.

Passo 4: Contrate um contador

Além de todos esses pontos, é indispensável contar com uma boa equipe de contabilidade para cuidar da saúde econômica e registrar os passos financeiros dados pela empresa ao longo de sua trajetória. Com a contabilidade é possível mapear a rota de erros e acertos de um negócio e fazer alterações pontuais e tempestivas, visando alcançar os objetivos desejados da melhor forma possível.

banner do ebook de plano de negócios

Abertura Simples

E aí, curtiu descobrir como desenvolver um plano de negócio para dentista? Esperamos que sim. Saiba que caso precise de um contador para ajudar a gerenciar a vida financeira do seu negócio, o Portal Abertura Simples pode ajudar. O portal atende empreendedores por meio de uma rede composta por mais de 300 escritórios de contabilidades que estão espalhados por todo o país. Entre em contato com o Abertura Simples!

Escrito por

Gostou? Compartilhe!

Como abrir uma empresa. Ebook Completo.

Manual para Abrir Empresa

Faça como mais de 100 mil empreendedores! Baixe agora mesmo o Manual Completo para Começar seu Próprio Negócio.

No comment yet, add your voice below!


Faça um Comentário

Tudo certo!

Basta baixar seu e-book pelo botão abaixo! 

Espero que goste!