Skip to content

Passo a passo para abrir uma hamburgueria de sucesso!

O que você verá neste artigo:

Você já pensou em abrir uma hamburgueria? O hábito da alimentação fora do lar continua mesmo em tempos de crise. Em meio a isso, a hamburgueria é um segmento que está em ascensão no nosso país.

O hambúrguer é um alimento que pode ser opção em qualquer refeição do dia, seja almoço, lanche da tarde ou jantar. Além disso, apresenta-se como uma solução rápida para o cotidiano corrido do brasileiro. Todos esses fatores tornaram as hamburguerias uma ótima oportunidade de negócio.

Pensando em tudo isso, o Abertura Simples preparou um artigo com tudo o que você precisa saber para abrir uma hamburgueria e se dar bem nos negócios. Confira:

Tudo o que você precisa saber para abrir uma hamburgueria

Veja neste artigo tudo o que precisa saber para abrir uma hamburgueria!

Sobre o mercado

Segundo a ABIA (Associação Brasileira da Indústria de Alimentos), a perspectiva de crescimento do mercado de food service deve ser a mesma que acompanha a economia: retomada do crescimento.

De acordo com os mesmos dados, a projeção para o food service 2021 foi de crescimento de 30%. Apenas em 2020, a indústria de alimentos faturou mais de 573 bilhões de reais e cerca de 139,4 bilhões foi apenas do setor de food service.

Apesar do valor considerável, é um recuo em relação aos anos anteriores. Do meio para o fim da última década, o varejo food service encontrou-se em crescimento ano após ano:

  • 2015: R$ 144,0 bilhões.
  • 2016: R$ 154,2 bilhões.
  • 2017: R$ 164,7 bilhões.
  • 2018: R$ 172,8 bilhões.
  • 2019: R$ 184,7 bilhões.

Levando-se em consideração o cotidiano atribulado do brasileiro, que cada vez mais necessita de soluções rápidas e práticas à disposição que facilitem sua rotina, têm-se nas hamburguerias um refúgio para as necessidades alimentares imediatas.

Com uma movimentação que gira em cerca de R$170 bilhões ao ano, somente na última década, o mercado de alimentação fora do lar representou uma grande fatia do setor de alimentos e bebidas, que vem se reinventando em meio à atual crise econômica do País.

Tipos de serviço

O fator de inovação é essencial para o crescimento e sucesso do seu negócio. Por isso, veja a seguir opções de serviço que você pode oferecer aos seus clientes!

1. Delivery

Um estudo realizado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF) com a consultoria Galunion, aponta que o delivery passou a representar 36% do faturamento das redes em 2020, contra 18% em 2019.

Dentre os serviços de delivery, o Ifood representa 62% da parcela do negócio, enquanto o delivery próprio representa 32%. 

2. Take Away e Drive-thru

O drive-thru já é um formato conhecido e durante o isolamento social, 23% das franquias consultadas para o estudo da ABF e Galunion adotaram o serviço. Além dele, outro formato tem feito sucesso entre os donos de estabelecimentos: o take away. Com 56% dos entrevistados apostando no modelo, que consiste em oferecer os produtos para serem consumidos em outro local.

3. Dark Kitchen

Nesse modelo de negócio, não há um ponto de venda com loja física ou espaço para consumo no local. Sendo necessário somente uma cozinha para preparo dos produtos, para consumir, o cliente pode escolher entre take away e delivery.

4. Novos sabores

O público em geral deseja novas experiências. E é esse desejo que tem feito com que alimentos típicos regionais e iguarias de outros países, façam cada vez mais sucesso. Algumas opções que o seu negócio pode aderir, são:

Hambúrgueres vegetarianos

É cada vez mais comum as pessoas aderirem a uma dieta sem carne e você pode oferecer um cardápio para esse grupo de consumidores, que costuma encontrar dificuldade na hora de buscar por restaurantes seguros para a alimentação.

Hambúrgueres veganos

Além da carne, quem é vegano também não consome qualquer alimento derivado de animais, então é preciso retirar esses ingredientes dos hambúrgueres veganos é obrigação oferecer produtos para esse público.

Blend de carnes

Para sair do tradicional, uma ideia interessante é oferecer opções de misturas de carnes. O sabor é diferente de um hambúrguer tradicional e você sai da mesmice de outras hamburguerias.

Seleção de acompanhamentos

Embora não deva faltar em seu cardápio batatas-fritas, esta não deve ser a sua única opção. Invista em anéis de cebola, polenta frita e até mesmo palitos de queijo. Esses acompanhamentos podem ser incluídos até mesmo em combos.

Combos de hambúrguer e acompanhamento

Para turbinar as vendas, é possível oferecer combos de hambúrgueres e acompanhamentos. Oferecer um desconto nessas combinações pode atrair mais clientes e até mesmo fidelizar. Uma alternativa é estabelecer um combo diferente todos os dias, para que os clientes experimentem mais opções sempre.

Plano de negócios

O plano de negócios serve para que o empreendedor tenha uma visão mais ampla sobre a empresa e o mercado no qual está inserida. Neste documento, você irá definir assuntos como o cardápio e os valores. Além disso, o plano de negócios também detalha a questão financeira e os recursos humanos que você poderá contar para o desenvolvimento da empresa.

Para desenvolver o planejamento, é necessário juntar todos os investimentos de material, equipamento, pagamentos de funcionários e maquinário. Além disso, deve-se pesquisar também o público que irá frequentar a sua hamburgueria, quem serão seus principais concorrentes, o mercado e muito mais.

Resumo dos principais pontos do plano de negócio:

  • O que é o negócio?;
  • Quais os principais produtos e/ou serviços?;
  • Quais serão os seus principais clientes?;
  • Onde será localizada a empresa?;
  • Qual o montante de capital a ser investido?;
  • Qual será o faturamento mensal?;
  • Em quanto tempo espera que o capital investido retorne?

Escolha o local

A localização da maioria dos negócios é um dos fatores que mais influenciam no faturamento. Na hora de fazer essa seleção, é necessário levar em conta alguns aspectos, como o público alvo. Enquanto faz o planejamento para abrir uma hamburgueria, você irá definir a faixa de renda e os hábitos de consumo das pessoas que deseja atingir. Com isso em mãos, ficará mais fácil escolher a região em que essas pessoas estão presentes.

O ponto ideal para montar uma hamburgueria é um local com grande fluxo de pessoas, boa visualização da sua hamburgueria e fácil acesso para os clientes, verifique se a localização é segura e apresenta espaço para estacionamento.

É necessário também, ficar atento aos aspectos legais e regularizações de acordo com as licenças exigidas. Antes de fechar o contrato, deve-se consultar a Prefeitura para confirmar se a sua hamburgueria poderá funcionar naquele endereço escolhido. Verifique quais são as restrições da prefeitura para os planos da Lei de Zoneamento e do Plano Diretor da cidade.

Fornecedores

Um dos pontos altos da sua hamburgueria deve ser a qualidade, e para isso é preciso encontrar os melhores fornecedores de ingredientes. Nesta etapa, é necessário ter muito cuidado, pois é ela que irá garantir que o seu cliente fique satisfeito com o produto consumido.

Embora seja importante procurar por bons preços, o grande erro dos donos de hamburgueria neste ponto é olhar apenas este fator. Um bom fornecedor precisa:

  • Contar com insumos de qualidade;
  • Entregar em tempo hábil;
  • Cumprir os prazos com os quais se compromete;
  • Emitir nota fiscal;
  • Disponibilizar opções de pagamento facilitado;
  • E (claro) ter um bom preço.

Colaboradores

Contar com bons colaboradores é outro fator fundamental para o sucesso neste ramo de atividade e a quantidade de funcionários pode variar de acordo com o porte do empreendimento.

Em geral, para o início do negócio, são necessários:

  • Chapeiro: Responsável pelo cozimento das carnes e montagem final do sanduíche;
  • Expedição: Recebe os pedidos (do caixa ou do garçom) e organiza a saída dos produtos para o garçom ou diretamente para o cliente;
  • Caixa: Responsável pelo fechamento das contas dos clientes;
  • Administrativo/estoque: Realiza as atividades administrativas;
  • Auxiliar de cozinha: Dá apoio ao chef de cozinha;
  • Garçom: Realiza o atendimento ao cliente;
  • Auxiliar de limpeza: Responsável pela limpeza do local

Estrutura e equipamentos

A estrutura de uma hamburgueria requer espaços que acomode um salão com mesas, uma cozinha, depósito, banheiros e escritório. A área mínima com disposição de 5 a 10 mesas deve ter cerca de 35m² a 50m².

Os equipamentos necessários para abrir uma hamburgueria são:

  • Geladeira;
  • Freezer;
  • Armários.
  • Balcão Refrigerado
  • Mesa com cuba;
  • Panelas;
  • Talheres;
  • Balcão de inox;
  • Extrator de sucos;
  • Liquidificador industrial;
  • Máquina de fazer gelo.
  • Fogão industrial;
  • Chapa quente.
  • Exaustores;
  • Coifa.
  • Mesas;
  • Cadeiras;
  • Balcão;
  • Bancada;
  • Armários;
  • Bandejas;
  • Ilhas refrigeradas;
  • Mixer;
  • Pratos, talheres e copos.

Não esqueça que também são necessários equipamentos para escritório e caixa, como computador, telefone, impressora, máquina de cartão, entre outros

Como abrir uma hamburgueria?

Confira, a seguir, o passo a passo para abrir este negócio!

1 – Escolha o tipo de atividade

O primeiro passo para abrir uma hamburgueria é definir qual o segmento da atividade que você deseja empreender. Para designar isso, existem três distinções:

  • Serviço: trabalho realizado a título de mão de obra física ou intelectual;
  • Indústria: atividade econômica que visa transformar matéria-prima em materiais comercializáveis;
  • Comércio: direcionado ao consumidor final.

2 – Escolha a Natureza Jurídica

Informar a natureza jurídica no ato de formalização da empresa é indispensável, afinal, cada uma delas possui diferentes formas de aplicação das normas. Existem diversas naturezas jurídicas, mas às empresas, são atribuídas:

  • Empresário Individual (EI): Uma única pessoa constitui uma empresa, cujo nome empresarial deve ser composto por seu nome civil, completo ou abreviado. É a pessoa física titular da empresa, podendo constituir apenas uma em seu nome;
  • Sociedade Limitada (LTDA): É aquela que reúne dois ou mais sócios a fim de explorar atividades de produção ou circulação de bens e serviços. Inclui-se toda a empresa que contribui com moeda para a formação de capital social e realização da constituição empresarial;
  • Sociedade Simples (SS): Exploram atividade de prestação de serviços decorrente de atividades intelectuais e de cooperativa. Ou seja, os sócios não exercem nenhuma atividade voltada ao comércio, e sim exercem suas profissões. Exemplo: contadores, advogados, cooperativas e representações comerciais;
  • Sociedade Anônima (SA): Todas as empresas que não atribuem seu capital social a um nome específico, mas sim se dividem em ações. Essas ações podem ser transacionadas e eliminadas. Neste caso não é necessário nenhum contrato social ou outro ato oficial como nas sociedades limitadas;

3 – Defina o porte da hamburgueria

Após a definição da natureza jurídica da sua hamburgueria, chegou a hora de saber qual o porte do seu negócio. As opções devem ser escolhidas a partir do seu faturamento.

  • Microempreendedor Individual (MEI): Modalidade em que o faturamento máximo deve ser de R$81 mil por ano e não permite com que o parceiro participe como sócio ou titular de outra empresa;
  • Microempresa (ME): É permitido empresário individual e sócios. O teto de faturamento anual é de R$360 mil.
  • Empresa de Pequeno Porte (EPP): Modalidade em que a faixa de faturamento anual começa em R$360 mil e vai até R$4,8 milhões.
abra a sua empresa

4 – Reúna a documentação necessária

Durante a abertura de uma empresa, é preciso apresentar alguns documentos obrigatórios. Alguns documentos possuem prazos determinados para serem cumpridos, já que possuem data de validade. Por isso, essa etapa requer a ajuda de um contador especializado em abrir este modelo de negócio. Nós podemos te ajudar!

Confira a seguir alguns dos documentos para abrir uma hamburgueria:

Para os sócios

Caso você decida abrir uma empresa com sócios, é obrigatória a apresentação dos seguintes documentos de cada um deles:

  • 1 cópia simples do comprovante de residência;
  • Certidão de casamento (se casado);
  • 2 cópias autenticadas do RG e CPF de cada (A Carteira Nacional de Habilitação também é válida);
  • 1 cópia de folha espelho do IRPF, caso tenha comprovado no ano vigente.

Para a empresa

  • CNPJ;
  • 2 cópias simples do IPTU do imóvel;
  • 2 cópias do Contrato de Locação ou Compra e Venda.

Contrato Social

O contrato social é um documento importante e que deve ser assinado por todos os sócios da empresa, a fim de firmar a sociedade. Nele, devem estar devendo a cada participação de cada um dos sócios da empresa, bem como suas cotas, investimentos e participação nos lucros.

Realize o registro na Junta Comercial

O registro é considerado uma certidão de nascimento da empresa e deve ser feito antes de obter o CNPJ. Sua empresa só funcionará legalmente se você realizar o seu registro na Junta Comercial ou no Cartório de Pessoas Jurídicas do seu Estado.

5 – Abra um CNPJ

O processo de abertura de um CNPJ para uma empresa é simples. Após o registro na Junta Comercial, você receberá o Número de Identificação do Registro de Empresa (NIRE). Ele será solicitado para entrar no site da Receita Federal para abrir o CNPJ. No site, você irá fazer o download do Documento Básico de Entrada e em seguida, realizar a impressão. Depois é só enviar à Receita Federal pelos Correios ou pessoalmente.

6 – Solicite o Alvará de Funcionamento

O Alvará de Funcionamento é o documento que indica se a sua hamburgueria poderá exercer as funções no local que você deseja instalar.

Na maior parte dos Estados brasileiros o empreendedor pode solicitar o Alvará gratuitamente pela internet. O documento é emitido pela Prefeitura Municipal ou Órgão Governamental Municipal.

Cada atividade requer um certo tipo de Alvará e, por isso, é necessário estar atento se a atividade escolhida está representada no registro por um código CNAE de atividades protegidas.

Os documentos necessários para solicitar o Alvará de Funcionamento são:

  • Planta do imóvel onde você abrir seu negócio;
  • Cópia do recibo do IPTU pago;
  • CPF e RG, originais ou cópias, da pessoa responsável pelo negócio;
  • Cadastro do Contribuinte Mobiliário, ou CCM, na Secretaria das Finanças;
  • O Setor, Quadra e Lote – também chamado de SQL – do imóvel;
  • Declaração de atividade: para que você usará o imóvel e qual área será destinada aos consumidores;
  • Certificado de conclusão de imóvel recém-construído.

Abertura Simples

Ficou com alguma dúvida? O Abertura Simples está aqui para te ajudar! Nossa equipe está à disposição para atender e responder a todos os seus questionamentos.

Entre as diversas vantagens do Abertura Simples estão o atendimento humanizado, serviço de entrega e recolhimento de documentos e o preço justo.

Disponibilizamos também as funções de Contabilidade, Fiscal, Recursos Humanos e Legalização, como Alvará de Funcionamento, CADAN, Anvisa, e muito mais.

Baixe o e-book “Como abrir uma empresa”

Vai abrir uma empresa, mas não sabe por onde começar? Saiba que esse é um processo bem burocrático. São exigidos o cumprimento de diversas exigências. Mas, não desanime, o Abertura Simples desburocratiza o processo para você! Faça o download grátis do e-book “Como abrir uma empresa? Manual Completo” e tenha acesso exclusivo ao passo a passo de como abrir uma empresa. Baixe agora mesmo, é grátis!

Escrito por

Gostou? Compartilhe!

Como abrir uma empresa. Ebook Completo.

Manual para Abrir Empresa

Faça como mais de 100 mil empreendedores! Baixe agora mesmo o Manual Completo para Começar seu Próprio Negócio.

1 Comment

  1. Adorei, muito bom! Esse tipo de conteúdo para mim é novidade, agora que estou me ingressando no mundo da gastronomia vale muita a pena se aventurar nesse ramo alimentício. Obrigado!


Faça um Comentário

Tudo certo!

Basta baixar seu e-book pelo botão abaixo! 

Espero que goste!