Skip to content

Guia: Como abrir uma empresa em Salvador?

O que você verá neste artigo:

Está pensando em abrir uma empresa em Salvador, Bahia? Então, leia este artigo para aprender tudo sobre o processo de abertura nesta cidade!

Para empreender em Salvador, não basta apenas ter força de vontade e uma boa ideia. Essa é uma atividade que demanda muito planejamento, visão e foco. É necessário ter conhecimento sobre as burocracias da cidade e saber sobre a área na qual você vai empreender. Ter um panorama das habilidades administrativas e financeiras do negócio também é essencial.

Com disposição para aprender os itens essenciais, você vai conseguir transformar os seus projetos em realidade. Por isso, o Abertura Simples preparou um artigo com tudo o que você precisa saber para empreender em Salvador e ter sucesso no seu negócio. Confira!

empresa em salvador

Sobre Salvador

Salvador possui a economia mais desenvolvida do estado da Bahia, além de ser a mais populosa da região Nordeste, com cerca de 2.900.319 de habitantes, e a terceira maior capital do país. Sua região metropolitana possui o maior PIB entre as concentrações urbanas do Nordeste, somando por volta de 63.804 bilhões de reais.

Atualmente, o principal setor que move a cidade é o Turismo, pois além de suas paisagens naturais que atraem turistas do mundo todo, também movimenta números impressionantes durante o Carnaval.

Quais são as principais ideias de negócios para abrir empresa em Salvador?

Vejamos abaixo algumas ideias de empreendimentos!

Mercado Pet

Segundo uma estimativa da Radar Pet, houve um aumento de 30% do total de animais de estimação no Brasil em 2021. Um crescimento acentuado para um mercado que já vinha apresentando uma taxa média de crescimento superior a 20% nos anos anteriores. 

De acordo com um levantamento realizado pelo Instituto Pet Brasil, o mercado de produtos, serviços e comércio de animais de estimação registrou alta de 27% no faturamento em 2021, em comparação com 2020, para 51,7 bilhões de reais.

O crescimento foi puxado pelo segmento de pet food, que representou 28 bilhões de reais, ou cerca de 55% do total do faturamento do setor pet.

É evidente que o mercado para animais de estimação encara uma onda de crescimento como nunca antes no país. Em dois anos, o setor cresceu 30% e hoje fatura 50 bilhões de reais. E, por conta dos ótimos resultados, o mercado brasileiro de pet está entre os 10 maiores do mundo.

Além do faturamento, o Brasil alcançou este posicionamento, pois atualmente há mais animais de estimação nos lares brasileiros do que crianças, segundo o IBGE. Sendo assim, pode ser interessante investir e abrir um negócio direcionado para pets.

Mercado Fitness

O mercado fitness representa uma fatia significativa na economia global. De acordo com a International Health, Racquet & Sportsclub Association (IHRSA), a receita desse mercado cresce a uma média anual de 8,7% no mundo.

Em faturamento, o mercado fitness brasileiro alcançou a marca de 2,1 bilhões de dólares em 2019, sendo o terceiro maior das Américas, atrás apenas dos EUA e do Canadá, e o maior da América Latina.

Outro número significativo é a quantidade de academias presentes no país. O Brasil conta com 35 mil unidades oficiais, fazendo com que o país seja a segunda nação com mais academias do mundo, atrás somente dos Estados Unidos, com 40 mil unidades.

Já em número de clientes, o Brasil aparece em quarto lugar, com 9,6 milhões de usuários contabilizados.

E embora antigamente o mercado fitness se resumisse às academias e equipamentos, atualmente impressionam pelo mix, que vai desde alimentação até vestuário. A cada dia surgem produtos e serviços, aumentando mais e mais o faturamento de empresários brasileiros, que, de acordo com previsões da IHRSA, chegará a 106 bilhões de dólares em 2020.

Para se ter uma ideia da grandiosidade do setor, as vendas do segmento de alimentos saudáveis, que engloba produtos sem açúcar, glúten ou conservantes, atingiram a marca de 100 bilhões de reais em 2020, segundo a consultoria Euromonitor International.

Mercado estético

O tamanho do mercado global de estética deve chegar a 124,7 bilhões dólares até 2028 e se expandir a uma taxa de crescimento anual composta (CAGR) de 9,8% de 2021 a 2028, segundo o Grand View Research.

De 2014 a 2019, o mercado de estética cresceu 567% no Brasil. O Brasil se tornou o terceiro maior mercado de estética no mundo, ficando atrás, apenas, de Estados Unidos e China. 

Segundo dados da Associação Brasileira da Indústria Brasileira de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), associação que reúne empresas do setor, mostram que, no ano passado, a indústria da beleza cresceu quase 6%.

Ainda de acordo com a ABIHPEC, o setor movimentou mais de 47,5 bilhões de reais com perspectivas otimistas para os próximos anos. 

Além disso, só nos últimos cinco anos, o mercado masculino de estética dobrou de tamanho, e o número de linhas de produtos e tratamentos direcionados a esse público disparou com o aumento da demanda.

Como desenvolver um bom planejamento para abrir empresa em Salvador com segurança?

Um relatório do Sebrae, de 2014, constatou que um dos principais motivos para a falência das empresas é a falta de planejamento prévio.

“Ao abrir a empresa, parte dos empreendedores não levantou informações importantes sobre o mercado”, explica o relatório. “Mais da metade não realizou o planejamento de itens básicos antes do início das atividades da empresa”.

Diante disso, é fundamental que o empreendedor se dedique ao planejamento do seu negócio. Por isso, veja a seguir como montar um bom planejamento para a sua empresa!

Defina a missão, visão e valores da empresa em Salvador

A primeira etapa de um planejamento estratégico eficiente é a determinação da missão, a visão e os valores da empresa.

  • Missão: Pode ser definida como a identidade da empresa e deve ser concisa, clara e objetiva. Tem como função transmitir o propósito é motivo de existência da empresa;
  • Visão: É onde a empresa quer chegar. Ou seja, seus objetivos futuros;
  • Valores: São as crenças, comportamento, ética e métodos da empresa que serão adotados para alcançar a visão descrita acima.

 A definição desses três pilares irá ajudar na criação de uma cultura organizacional e a dar um direcionamento sobre as principais razões de existência do negócio, sejam elas lucrativas ou não.

Estabeleça metas e objetivos realistas

As metas e os objetivos representam os resultados que a empresa pretende alcançar em determinado período. Para definir as metas e os objetivos corretamente, é necessário usar uma base de dados para realizar uma projeção e traçar novos alvos.

Faça uma análise interna detalhada

Entender os pontos fracos e fortes de uma empresa é fundamental para elaborar planos de melhorias, corrigindo possíveis fraquezas e potencializando as forças do negócio.

Para isso, é possível utilizar a matriz SWOT (Strengths — forças; Weaknesses — fraquezas; Opportunities — oportunidades; Threats — ameaças) para realizar o mapeamento. Tal recurso fornece uma visão mais detalhada de onde e como é preciso agir.

Analise o cenário econômico

Diversos fatores externos podem afetar diretamente a empresa. Esse é o caso de:

  • crises políticas e econômicas (como a que vivemos recentemente);
  • alterações na legislação tributária;
  • mudanças no hábito de compra dos consumidores;
  • movimentos da concorrência; ou
  • tendências de mercado.

Ou seja: o negócio precisa preparar-se para encarar qualquer tipo de imprevisto que possa surgir, não permitindo que isso interrompa o processo de continuidade do plano inicialmente traçado.

Para isso, a matriz SWOT ainda poderá ser utilizada, ajudando na visualização tanto dos ambientes internos quanto externos.

Conheça o público-alvo do seu negócio em Salvador

Os clientes são as principais fontes de receita de um negócio, então, dedique-se para conhecê-los e definir o perfil do seu público-alvo. Nesta etapa, pode ser utilizada uma pesquisa direta, em que serão perguntados: 

  • Dados sobre aspectos geográficos;
  • Demográficos;
  • Psicográficos; e 
  • Comportamentais.

Depois de descobrir para quem deve vender, procure maneiras de fidelizar o cliente. Com as informações certas, é possível planejar ações de marketing e vendas antecipadas, surpreendendo positivamente o consumidor.

Crie estratégias de negócios

Para alcançar resultados satisfatórios, é preciso definir ações que levem a empresa a se destacar dentre a concorrência.

Uma dica é adotar a segmentação de mercado para encontrar formas de atender às necessidades e aos desejos mais específicos do público-alvo. Essa prática ajuda a descobrir grandes oportunidades de negócios e identificar o caminho ideal para a empresa se tornar líder de fatias do mercado.

Desenvolva um plano de ação

Um planejamento bem detalhado é importante, mas serve apenas como guia. Se não for possível aplicá-lo à realidade do negócio, será pouco eficiente. Por isso, cada meta definida deve conter uma estratégia a ser alcançada.

Para isso, é necessário:

  • Definir os profissionais responsáveis; 
  • As metodologias e tecnologias que serão adotadas; 
  • Onde (ambiente externo, interno e online) e quando serão aplicadas;
  • Quais e quantos recursos serão utilizados.

Nesse caso, o investimento no lançamento de produtos e serviços ainda não oferecidos pela concorrência, na qualificação dos profissionais e em ações de marketing digital pode ser uma boa ação.

Controle os resultados

Monitorar e controlar os resultados de perto são outras ações primordiais para garantir o sucesso do planejamento estratégico. Essa é a melhor maneira de descobrir possíveis desvios e adotar soluções imediatas de correção, mantendo a empresa sempre no rumo traçado para o alcance dos objetivos propostos.

No meio do caminho, oportunidades também podem ser descobertas, o que permite aos gestores potencializar a força do plano desenvolvido.

empresa em salvador

Quais são os principais passos burocráticos para abrir empresa em Salvador?

Após colocar em prática todas as recomendações de planejamento para abrir seu negócio, chegou o momento de tirar o seu sonho do papel.

Nesta etapa, você terá que lidar com os processos burocráticos para que sua empresa atue de forma legal. Vamos lá?

Escolha a natureza jurídica do seu negócio

Para escolher a natureza jurídica do seu negócio será necessário conversar com um contador. Por meio de uma análise da perspectiva de faturamento mensal, a atividade que a empresa exercerá e se terá sócios, ele definirá a melhor natureza para a empresa.

É fundamental enquadrar sua empresa de forma adequada, pois isso impactará nos tipos e valores de tributos que você pagará. Veja abaixo algumas opções:

  • Empresário Individual (EI): empresa constituída por uma única pessoa, cujo nome empresarial deve ser composto por seu nome civil, completo ou abreviado. É a pessoa física titular da empresa, podendo constituir apenas uma em seu nome;
  • Sociedade Limitada (LTDA): É aquela que reúne dois ou mais sócios a fim de explorar atividades de produção ou circulação de bens e serviços. Inclui-se toda empresa que contribui com moeda para formação de capital social e realização da constituição empresarial;
  • Sociedade Limitada Unipessoal (SLU): Por meio dessa modalidade, o empresário pode abrir uma empresa sem sócio. Além disso, não precisa de um capital mínimo e não terá seu patrimônio pessoal comprometido em caso de prejuízo da empresa;
  • Sociedade Simples (SS): Exploram atividades de prestação de serviços decorrentes de atividades intelectuais e de cooperativa. Ou seja, os sócios não exercem nenhuma atividade voltada ao comércio, e sim desempenhar suas profissões. Exemplo: contadores, advogados, cooperativas e representações comerciais;
  • Sociedade Anônima (SA): Todas as empresas que não atribuem seu capital social a um nome específico, mas sim se dividem em ações. Essas ações podem ser transacionadas livremente. Neste caso não é necessário nenhum contrato social ou outro ato oficial como nas sociedades limitadas.

Defina o regime tributário ideal para o negócio

No Brasil, há três regimes tributários disponíveis. A escolha deverá ser feita com uma consulta com um contador, pois ele saberá definir o regime tributário mais adequado para determinado tipo de empresa. As opções disponíveis são:

  • Simples Nacional: É um regime compartilhado de arrecadação, cobrança e fiscalização de tributos aplicável às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, previsto na Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006. O Simples Nacional conta com uma porcentagem de imposto de 4%.
  • Lucro Presumido: É uma forma de tributação simplificada para determinação da base de cálculo do Imposto de Renda – IRPJ, e da Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido – CSLL das pessoas jurídicas. O regime conta com uma porcentagem de arrecadação de imposto de 16%.
  • Lucro Real: É a regra geral para a apuração do Imposto de Renda (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) da pessoa jurídica. Ao mesmo tempo em que é o “regime geral” também é o mais complexo. Neste regime, o imposto de renda é determinado a partir do lucro contábil, apurado pela pessoa jurídica, acrescido de ajustes (positivos e negativos) requeridos pela legislação fiscal.

Defina o nome da sua empresa

Após escolher o nome da empresa, o empreendedor irá à Junta Comercial para realizar uma pesquisa e verificar se, de fato, o nome está disponível.

A solicitação é feita por meio de um formulário fornecido pela Junta no qual o empreendedor poderá verificar a disponibilidade de três nomes. Caso um esteja disponível, será necessário realizar o registro da marca no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI).

É relevante destacar que, dependendo do tipo jurídico da empresa, o nome comercial poderá ser registrado de três maneiras:

  • Firma individual: nome comercial é o mesmo nome do proprietário e pode ser, ou não, a especificação da atividade.

Exemplo: Luan Dias Engenharia;

  • Denominação: nome da empresa que consta a atividade e o tipo jurídico. 

Exemplo: Luan Dias Engenharia LTDA;

  • Razão social: utilização dos nomes dos sócios. 

Exemplo: Silva e Dias LTDA.

Reúna toda a documentação necessária para abrir uma empresa em Salvador

Para abrir uma empresa, é preciso apresentar alguns documentos obrigatórios. Alguns deles possuem prazos determinados para serem entregues, pois possuem data de validade. Por isso, essa etapa requer a ajuda de um contador especializado em abertura de empresas em Salvador. 

Confira a seguir alguns dos documentos para abrir uma empresa:

Para os sócios

Para abrir uma empresa com sócios em Brasília, é necessário apresentar os seguintes documentos de cada um deles:

  • 1 cópia simples do comprovante de residência;
  • Certidão de casamento (se casado);
  • 2 cópias autenticadas do RG/CNH e CPF de cada;
  • 1 cópia da filha espelho do IRPF, caso tenha comprovado no ano vigente.

Para a empresa

Já no que diz respeito aos documentos empresariais, é necessário apresentar:

  • CNPJ;
  • 2 cópias simples do IPTU do imóvel;
  • 2 cópias do Contrato de Locação ou Compra e Venda.

Contrato Social

O contrato social é um documento muito importante e que deve ser assinado por todos os sócios da empresa, a fim de firmar a sociedade. Nele devem estar descritos a participação de cada um dos sócios da empresa, bem como suas cotas, investimentos e participação nos lucros. 

Realize o registro na Junta Comercial

O registro da empresa realizado na Junta Comercial é considerado a certidão de nascimento de um negócio e deverá ser realizado antes de obter o CNPJ. Sua empresa só funcionará legalmente se você registrá-la na Junta Comercial.

Abra um CNPJ

O processo de abertura de um CNPJ para abrir uma empresa é bem simples. Após o registro na Junta Comercial, você receberá o Número de Identificação do Registro de Empresa (NIRE). Ele será solicitado para entrar no site da Receita Federal para abrir o CNPJ. No site, você deve fazer o download do Documento Básico de Entrada e, em seguida, realizar a impressão. Depois é só enviá-lo à Receita Federal pelos Correios ou pessoalmente.

Solicite um Alvará de Funcionamento

Um alvará de funcionamento é o documento que indica se a empresa pode, ou não, exercer as suas funções no local em que você deseja instalá-la. 

O alvará de funcionamento para abrir uma empresa em Salvador pode ser solicitado gratuitamente pela internet. O documento é emitido pela Prefeitura Municipal ou Órgão Governamental Municipal. 

Para cada tipo de atividade há um certo tipo de alvará. Por isso, é necessário estar atento se a atividade escolhida está representada no registro por um código CNAE de atividades protegidas.

Para solicitar um alvará de funcionamento são necessários os seguintes documentos: 

  • Planta do imóvel onde você deseja abrir seu negócio;
  • Cópia do recibo do IPTU pago;
  • CPF e RG, originais ou cópias, do responsável pelo negócio;
  • Cadastro do Contribuinte Mobiliário, ou CCM, na Secretaria das Finanças;
  • O Setor, Quadra e Lote (SQL) do imóvel;
  • Declaração de atividade: onde deverá estar descrito para que você usará o imóvel e qual área será destinada aos consumidores;
  • Certificado de conclusão de imóvel recém-constituído. 

Ainda, para abrir uma empresa em Salvador, também é necessário realizar a Análise Prévia da Viabilidade de Localização, a fim de obter o alvará de funcionamento. Essa análise é feita para determinar se a empresa poderá, ou não, utilizar determinado imóvel para o tipo de comércio desejado.

abra a sua empresa

As principais dúvidas sobre abrir empresa em Salvador

Agora que você já conhece todo o processo necessário para abrir empresa, é possível que tenham surgido algumas dúvidas. Diante disso, decidimos responder as mais comuns:

Quanto tempo demora para abrir empresa em Salvador?

Assim que toda a documentação for acertada, as informações são enviadas para a Receita Federal e a Junta Comercial e é iniciado o processo de abertura.

A aprovação leva de 3 a 5 dias úteis após o envio, significando que você já terá o número do CNPJ. 

Quanto custa abrir empresa em Salvador?

Saiba que o valor dependerá muito do escritório de contabilidade e da cidade na qual está localizado. No entanto, é interessante destacar que o valor pode variar de zero a 1.200 reais.

Preciso de contador para abrir empresa em Salvador?

Sim. O profissional será responsável por realizar todo o processo de forma rápida e segura. No entanto, é importante encontrar um bom escritório. Abaixo listamos algumas dicas.

Bom atendimento

Com toda a tecnologia que temos disponível atualmente, as respostas devem ser cada dia mais rápidas e precisas. Por isso, o escritório que você escolher deve estar pronto para atendê-lo a qualquer momento.

A recomendação é que você avalie todos os canais de comunicação do escritório como e-mail, site, redes sociais e telefones. A velocidade, disponibilidade, cordialidade e atendimento devem ser fatores significativos antes de fechar negócio.

Dizem que a escolha de um contador para uma empresa é como escolher um médico para sua família. Ou seja, é necessário estabelecer um laço de confiança de longa duração. Por isso, é essencial que seu escritório também ofereça uma boa relação com os profissionais.

Infraestrutura

É importante analisar se o escritório de contabilidade está oferecendo a infraestrutura necessária para atender a sua demanda. Isso diz respeito tanto a tecnologia do escritório, quanto a quantidade de funcionários que eles podem oferecer.

Existem desde escritórios com apenas um contabilista responsável até gigantescas firmas com dezenas de empregados. Você pode avaliar a organização do espaço, o clima organizacional, a relação dos funcionários. Assim, é possível entender qual a melhor opção para sua empresa.

Competência técnica

É fundamental ser atendido por profissionais capacitados e experientes, que se mantenham frequentemente atualizados principalmente a respeito das legislações tributárias e trabalhistas. Além disso, é essencial que essa competência esteja ligada à capacidade de resolução de problemas e definição de conceitos (e como aplicá-los).

O cliente não precisa ser especializado em assuntos tributários e trabalhistas, mas o contador sim. Além disso, ele deve simplificar os conceitos e os termos para melhor compreensão do cliente.

Para ter certeza da competência técnica de um escritório, você pode entrar em contato com o profissional e ter uma conversa sobre as principais dificuldades do empreendimento. A partir disso, peça também atualizações periódicas e materiais sobre seu segmento, medindo a profundidade de conhecimento desse profissional.

Relação custo x benefício

Assim que você identificar quais são as reais necessidades de sua empresa, busque por um profissional contábil que seja especializado no seu ramo. Em seguida, peça um orçamento e avalie a qualidade das atividades executadas na proporção do preço pelo qual o serviço é cobrado.

É importante ressaltar que os profissionais com maior competência e conhecimentos específicos podem cobrar mais por seus serviços, mesmo que tenham uma estrutura menor. Isso porque a segmentação e especialização em nichos faz com que o escritório apresenta soluções eficazes para determinados problemas.

Da mesma forma que uma empresa pode cobrar mais barato por um produto, como é o caso dos escritórios de contabilidade que prestam serviços básicos, como pagamento de impostos em dia etc.

Localização

O ideal é que o escritório esteja numa localização próxima e de fácil acesso da empresa. Quando o escritório atua na mesma cidade, fica muito mais fácil realizar reuniões e visitas pessoais para verificar sua estrutura funcional, seus representantes e a dinâmica.

Dessa forma, é possível economizar tempo e manter uma boa frequência de reuniões, que se aconselha que seja no mínimo mensal. Não só pelo deslocamento, é importante ter um escritório de contabilidade na mesma cidade também pelo fato de que a legislação contábil e as obrigações tributárias podem ser diferentes de uma cidade para outra.

Em alguns casos, as empresas encontram complicações com o IPTU e o ISS, além dos impostos municipais. Se o escritório estiver em outro município, isso se tornará ainda mais difícil.

empresa em salvador

Mas afinal, o que faz um escritório de contabilidade em Salvador?

O profissional de contabilidade é a pessoa responsável por toda a área financeira, econômica, tributária e patrimonial de uma empresa. Assim como em Salvador e em todas as outras cidades, suas principais funções são:

  • controle do fluxo de caixa e estoque;
  • preenchimento e envio de obrigações acessórias;
  • escrituração de documentos e livros de entrada e saída da empresa;
  • emissão, registro de notas fiscais e pagamento de impostos (caso for acordado entre as partes);
  • entre tantas outras funções.

O contador pode ser também um grande aliado na administração e gerenciamento de um negócio. Se você contar com um bom profissional, ele pode auxiliar no planejamento estratégico, elaboração de relatórios gerenciais e também na tomada de decisões essenciais.

Para se tornar um profissional de contabilidade é necessário ter formação em Ciências Contábeis (superior) ou em Contabilidade (técnico). Além disso, é essencial ser registrado no CRC (Conselho Regional de Contabilidade) para exercer a profissão de forma regular e legal.

Importância do contador

Todo empreendedor sabe que a rotina é muito corrida para lidar com todas as questões de uma empresa. E muitas vezes, por mais qualificado e preparado que seja o profissional, ele não dispõe de todas as habilidades para lidar com todos os assuntos. A contabilidade é um exemplo.

Exercer algumas tarefas exige certos conhecimentos específicos, domínio das práticas contábeis, e também desenvoltura para lidar com situações que, muitas vezes, estão fora do alcance do conhecimento do administrador.

E por mais que as atividades contábeis pareçam fáceis de resolver, a vida financeira, seus controles e obrigações periódicas devem ser tratadas com cuidado. O contador irá trabalhar para evitar todos os riscos e danos do seu negócio.

Abertura Simples

O Abertura Simples é parceiro de escritórios de contabilidade em Salvador que realizam todo esse processo para você que deseja abrir uma empresa na região. Assim, você pode realizar seu sonho de forma rápida, simples, segura e sem dores de cabeça. 

Entre em contato com nossos representantes e saiba como ter o auxílio de um escritório de contabilidade para sua empresa em Salvador.

Baixe o e-book completo “Como abrir uma empresa”

Abrir uma empresa demanda de muitos processos, como você pôde perceber ao longo deste artigo. Mas, o Abertura Simples descomplica todas essas etapas para você. Faça o download gratuito do e-book “Como abrir uma empresa? Manual Completo” e confira o passo a passo para começar a empreender em Salvador. Baixe agora mesmo, é grátis!

Escrito por

Gostou? Compartilhe!

Como abrir uma empresa. Ebook Completo.

Manual para Abrir Empresa

Faça como mais de 100 mil empreendedores! Baixe agora mesmo o Manual Completo para Começar seu Próprio Negócio.

No comment yet, add your voice below!


Faça um Comentário

Tudo certo!

Basta baixar seu e-book pelo botão abaixo! 

Espero que goste!